quinta-feira, 26 de janeiro de 2012

Doideiras geriátricas: um sonho.

Idosa tenta matar síndica durante reunião, diz polícia em Campo Grande.

Quando eu digo que quero ficar velha logo pra poder dar uma de louca sem maiores consequencias, pessoal fala que estou sendo injusta, que estou exagerando. Ter sempre banco disponível na lotação, furar fila à vontade, falar o que me der na telha e mandar bala na cara da síndica do prédio. Quem não quer uma vida assim? E eu que sou exagerada.

O interessante nessa história é que a velhota nervosinha (que chamaremos de Geraldina) estava de posse de um revólver, que trazia enrolado em uma sacola de pano. Heh. Como é que alguém dessa idade tem revólver, gnete? Aposto que a sacola tinha a barra feita de crochê e era dos dias da semana. Heheh. Então o que rolou foi que Geraldina estava em um dia particularmente difícil e, muito puta da cara, resolveu fazer a síndica (que chamaremos de Nestora) de peneira. Diz que Geraldina colocou o revólver no pescoço da Nestora. Olha as idéias?

Aí você diz "Nossa, Tadsh, tenha respeito pelos mais velhos" e eu te respondo: Babacas também envelhecem. Taí Geraldina pra comprovar: provavelmente sempre foi meio lelé da cuca e agora aproveita as maravilhas da 3ª idade pra sentar o sarrafo em quem lhe incomoda.

Tá certinha ela. Não vejo a hora de fazer 60 anos.

10 comentários:

  1. Tati adoreii!!! hahah

    Tem um "programa da net" chamado Nercast em que eles falam da fase do ME PROCESSE!!
    hahahah

    é a fase de idade em que os velhinhos tacam o foda-se já que um processo não teria fim antes do fim de sua propria vida!!!
    eles saem pela rua e tacam um "me processe" em tudo!
    Taí dona Geraldina!!

    ResponderExcluir
  2. Pois é, idoso ainda tem passagem de graça e reclama no busão (escrevendo isso e falando pra minha mãe, que tem 67 e com certeza me dará um cascudo).
    Depois que vi dois idosos reclamando e quase saindo no tapa por um lugar ("EU SOU MAIS VELHO QUE VOCÊ!!!), vi que a gente é o mesmo (na maioria das vezes) desde que nascemos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já pensei nisso, do "sou mais velho que você", acho que nasci num ano que muitos nasceram, sempre me deparei com muita gente, de forma excessiva, no colegial (ter q dormir na fila pra conseguir vaga), no alistamento do exército (dispensado por excesso de pessoas), etc... Quando ficar velho aqueles lugares vão ser disputados na cotovelada, só quero uma velhice sem ônibus.

      Excluir
    2. Só espero que certa pessoa [Mestre Álisson da Hora] não se aproprie da deixa de Tati pra sair por aí tacando fogo no mundo.

      (Uma vez que certa pessoa já vai na 654789135194151ª idade. #ficadica)

      Excluir
  3. Olá, parabéns pelo seu blog.
    Te convido a conhecer o meu,
    http://carmasepalavras.blogspot.com/

    ;)

    ResponderExcluir
  4. Eu vou respeitar alguém pelo comportamento, não pela idade.

    ResponderExcluir
  5. iauahauahua

    as vezes eu fico com dó de alguns velhinhos, ou duvidando q eles possam ter feitos certas maldades e minha mae me diz: "gt ruim tb envelhece, minha filha"

    ResponderExcluir
  6. Certa vez, uma piscóloga mãe de uma amiga minha, presenciou algo inusitado numa dessas casas de repouso de idosos na qual prestava assistência.

    Uma senhora de uns 90 anos batia freneticamente em outra, que já tinha mais que 70, então ela foi interferir:
    - Não faz isso, ela também é uma senhora!
    nisso, a agressora respondeu algo do tipo:
    - Uma filha nunca é mais velha que a própria mãe!

    o.0

    Vez ou outra eu vejo comportamentos inescusáveis por idosos ou por crianças, e com alguém usando da idade para justificar tais coisas...

    Fico pensando....
    Até Hitler foi criança. Mesmo psicopatas envelhecem, exceto quando tem sua vida interrompida por alguma fatalidade.

    O tempo passa para todos, no mesmo ritmo. Os valores é que não são os mesmos.

    ResponderExcluir